VIAS DE PARTO

PRÉ-NATAL
15 de maio de 2017
POLIPOS UTERINOS
17 de maio de 2017

A via de parto costuma ser sempre um tema a ser abordado no início do pré-natal, ou mesmo antes da paciente engravidar. Considero que a mulher tem o direito de escolher a sua via de parto preferencial. Por exemplo, para aquela que deseja um parto vaginal, teremos algumas avaliações a serem feitas: sua bacia óssea, o tamanho do feto ao final da gestação, seu adequado encaixe na bacia (especialmente nas primigestas). Uma vez que não haja nenhuma desproporção evidente entre a pelve e o feto, aguardaremos pelo parto vaginal. Entrando em trabalho de parto, ofereço a analgesia de parto, no momento adequado, para aquelas que estiverem com dor insuportável. Havendo uma evolução favorável do trabalho de parto, teremos um provável parto vaginal. Na suspeita de alguma alteração maior, não sou favorável a medidas heróicas somente para que o nascimento seja por via vaginal. Preferível, neste caso, a realização de uma cesárea. Tentarei sempre atender a vontade da paciente, mas, de acordo com a experiência adquirida e, com a confiança da paciente em mim depositada ao me escolher como seu obstetra, terei como primordial que , ao final , tenhamos um bebê e mãe saudáveis.

Por outro lado, para aquela que desde o início diz que não quer tentar parto vaginal, combinamos de programar uma cesárea eletiva a partir das 39 semanas completas. Poderá a gestante mudar de idéia a qualquer hora. Inclusive, podendo reavaliar caso entre em trabalho de parto que sugira boa evolução.

Muitas têm dúvidas sobre qual via preferem. Neste caso, costumo deixar para irmos decidindo no decorrer da gestação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat